ARTIGOS

Você está em - Home - Artigos - Ressonância Magnética e Espectroscopia de Ressonância Magnética em Demências

Ressonância Magnética e Espectroscopia de Ressonância Magnética em Demências



Este artigo analisa estudos recentes de ressonância magnética e espectroscopia de ressonância magnética na demência, incluindo doença de Alzheimer, demência frontotemporal, demência com corpos de Lewy, doença de Parkinson idiopática, doença de Huntington e demência vascular. A ressonância magnética e a espectroscopia de ressonância magnética podem detectar alterações estruturais e anormalidades bioquímicas no cérebro de indivíduos com demência e podem auxiliar no diagnóstico diferencial e na detecção precoce de indivíduos afetados, monitorando a progressão da doença e a avaliação do efeito terapêutico.

Fonte: https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pmc/articles/PMC1857299/

VEJA TAMBÉM:

  • Estudos de ressonância magnética in vivo do metabolismo de glicina e glutationa em um tumor mamário de rato
  • Monitoramento da ressonância magnética da evolução da lesão na esclerose múltipla


  • Texto Original



    This article reviews recent studies of magnetic resonance imaging and magnetic resonance spectroscopy in dementia, including Alzheimer's disease, frontotemporal dementia, dementia with Lewy bodies, idiopathic Parkinson's disease, Huntington's disease, and vascular dementia. Magnetic resonance imaging and magnetic resonance spectroscopy can detect structural alteration and biochemical abnormalities in the brain of demented subjects and may help in the differential diagnosis and early detection of affected individuals, monitoring disease progression, and evaluation of therapeutic effect.

    VEJA TAMBÉM:

  • Avaliação quantitativa da angiogênese tumoral usando ultrassonografia de contraste realçada com compensação de movimento em tempo real
  • Triagem Aneuploidia: uma declaração de posição de uma comissão em nome do Conselho de Administração da Sociedade Internacional de Diagnóstico Pré-Natal, janeiro de 2011.