ARTIGOS

Você está em - Home - Artigos - Revisão do Journal of Cardiovascular Magnetic Resonance (JCMR) 2015-2016 e transição do escritório do JCMR para Boston

Revisão do Journal of Cardiovascular Magnetic Resonance (JCMR) 2015-2016 e transição do escritório do JCMR para Boston



A Revista de Ressonância Magnética Cardiovascular (JCMR) é a publicação oficial da Sociedade de Ressonância Magnética Cardiovascular (SCMR). Em 2016, o JCMR publicou 93 manuscritos, incluindo 80 trabalhos de pesquisa, 6 revisões, 5 notas técnicas, 1 protocolo e 1 relato de caso. O número de manuscritos publicados foi semelhante ao de 2015, embora com um aumento de 12% nas submissões de manuscritos para um recorde histórico de 369. Isso reflete uma diminuição na taxa de aceitação geral para <25% (excluindo críticas solicitadas). A qualidade dos envios para o JCMR continua alta. O JCMR 2016O Factor de Impacto (publicado em junho de 2016 pela Thomson Reuters) foi estável em 5.601 (vs. 5.71 para 2015, conforme publicado em junho de 2016), que é o segundo maior fator de impacto já registrado para o JCMR . O fator de impacto de 2016 significa que os trabalhos do JCMR que foram publicados em 2014 e 2015 foram, em média, citados 5,71 vezes em 2016.

De acordo com a publicação de Acesso Aberto da Biomed Central, os artigos da JCMR são publicados on-line na ordem em que são aceitos, sem agrupar os artigos em seções ou questões temáticas especiais. Por esta razão, ao longo dos anos, os editores sentiram que é útil resumir as publicações anualmente em amplas áreas de interesse ou temas, de modo que os leitores possam visualizar áreas de interesse em um único artigo em relação umas às outras e a outros JCMR recentes . artigos. Os artigos são apresentados em temas amplos com artigos JCMR previamente publicados para guiar a continuidade do pensamento na revista. Além disso, decidi abrir esta publicação com informações para os leitores sobre a transição do JCMRescritório editorial para o Beth Israel Deaconess Medical Center, Boston e o processo editorial.

Embora haja um custo de publicação do autor (APC) associado ao acesso aberto para cobrir as despesas do editor, esse formato fornece uma distribuição / disponibilidade muito maior do trabalho do autor e uma maior citação do manuscrito. Para os membros do SCMR, há um desconto substancial no APC. Espero que você continue enviando seus manuscritos de alta qualidade para o JCMR para consideração. É importante também pedir que você considere referenciar publicações recentes do JCMR em seus envios para o JCMR e em outros lugares, pois elas contribuem para o nosso fator de impacto. Agradeço também aos nossos dedicados Editores Associados, Editores Convidados e revisores por seus muitos esforços para garantir que o processo de revisão ocorra de maneira oportuna e responsável e que o JCMR continua a ser reconhecida como a publicação líder em nosso campo.

Fonte: https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pmc/articles/PMC5747150/

VEJA TAMBÉM:

  • Monitoramento da ressonância magnética da evolução da lesão na esclerose múltipla
  • Revisão do Journal of Cardiovascular Magnetic Resonance (JCMR) 2015-2016 e transição do escritório do JCMR para Boston


  • Texto Original



    The Journal of Cardiovascular Magnetic Resonance (JCMR) is the official publication of the Society for Cardiovascular Magnetic Resonance (SCMR). In 2016, the JCMR published 93 manuscripts, including 80 research papers, 6 reviews, 5 technical notes, 1 protocol, and 1 case report. The number of manuscripts published was similar to 2015 though with a 12% increase in manuscript submissions to an all-time high of 369. This reflects a decrease in the overall acceptance rate to <25% (excluding solicited reviews). The quality of submissions to JCMR continues to be high. The 2016 JCMR Impact Factor (which is published in June 2016 by Thomson Reuters) was steady at 5.601 (vs. 5.71 for 2015; as published in June 2016), which is the second highest impact factor ever recorded for JCMR. The 2016 impact factor means that the JCMR papers that were published in 2014 and 2015 were on-average cited 5.71 times in 2016.

    In accordance with Open-Access publishing of Biomed Central, the JCMR articles are published on-line in the order that they are accepted with no collating of the articles into sections or special thematic issues. For this reason, over the years, the Editors have felt that it is useful to annually summarize the publications into broad areas of interest or themes, so that readers can view areas of interest in a single article in relation to each other and other recent JCMR articles. The papers are presented in broad themes with previously published JCMR papers to guide continuity of thought in the journal. In addition, I have elected to open this publication with information for the readership regarding the transition of the JCMR editorial office to the Beth Israel Deaconess Medical Center, Boston and the editorial process.

    Though there is an author publication charge (APC) associated with open-access to cover the publisher’s expenses, this format provides a much wider distribution/availability of the author’s work and greater manuscript citation. For SCMR members, there is a substantial discount in the APC. I hope that you will continue to send your high quality manuscripts to JCMR for consideration. Importantly, I also ask that you consider referencing recent JCMR publications in your submissions to the JCMR and elsewhere as these contribute to our impact factor. I also thank our dedicated Associate Editors, Guest Editors, and reviewers for their many efforts to ensure that the review process occurs in a timely and responsible manner and that the JCMR continues to be recognized as the leading publication in our field.



    VEJA TAMBÉM:

  • Triagem pré-natal no segundo trimestre para a síndrome de Down utilizando alfa-fetoproteína e beta hCG livre: uma revisão de sete anos.
  • Concentrações no líquido amniótico de alfa-fetoproteína (AFP) em gravidez normal precoce e gravidez complicada por defeitos do tubo neural. Uma revisão de 18 meses de experiência.